Covid-19: Testes negativos para Marcelo, Ferro e Costa e mais cinco conselheiros de Estado - Plataforma Media

Covid-19: Testes negativos para Marcelo, Ferro e Costa e mais cinco conselheiros de Estado

Os testes de diagnóstico de infeção com o novo coronavírus realizados no domingo pelo chefe de Estado, Marcelo Rebelo de Sousa, pelo presidente da Assembleia da República, Eduardo Ferro Rodrigues, e pelo primeiro-ministro, António Costa, deram negativo.

Esta informação foi hoje avançada à Lusa por fonte oficial da Presidência da República, que adiantou que também deram resultado negativo os testes realizados por outros cinco conselheiros de Estado: os antigos presidentes da República Jorge Sampaio e Aníbal Cavaco Silva, Francisco Pinto Balsemão, Leonor Beleza e Francisco Louçã.

Estes testes foram realizados no domingo à noite após a Presidência da República ter sido informada de que o conselheiro de Estado António Lobo Xavier está infetado com o vírus que provoca a covid-19 e os resultados foram conhecidos já de madrugada, indicou a mesma fonte.

Os demais membros do Conselho de Estado deverão ser testados hoje, dia em se realizará na Praça do Município, em Lisboa, a partir das 10:30, a cerimónia comemorativa do 110.º aniversário da Implantação da República, em que está prevista a presença das mais altas individualidades do Estado português.

O Conselho de Estado reuniu-se na terça-feira, no Palácio da Cidadela, em Cascais, entre as 14:00 e as 18:00, tendo como convidada a presidente da Comissão Europeia, Ursula von der Leyen. Esta foi a primeira reunião presencial do órgão político de consulta do Presidente da República em período de pandemia de covid-19, depois de duas reuniões por videoconferência.

O chefe de Estado escolheu o Palácio da Cidadela, em Cascais, precisamente para “assegurar o devido distanciamento físico”, de acordo com uma nota da Presidência da República.

A Presidência da República foi informada de que Lobo Xavier estava infetado com o novo coronavírus, pelo próprio, no domingo ao fim da tarde, e “avisou de imediato todas as pessoas que estiveram presentes” na reunião de terça-feira em Cascais, disse à Lusa fonte oficial de Belém.

Dos 19 membros do Conselho de Estado, apenas o ensaísta Eduardo Lourenço, de 97 anos, não participou nesse encontro, a que três conselheiros – Carlos César, Vasco Cordeiro e António Damásio – se juntaram por videoconferência, enquanto os restantes compareceram presencialmente.

O Conselho de Estado é composto pelos titulares dos cargos de presidente da Assembleia da República, primeiro-ministro, presidente do Tribunal Constitucional, Provedor de Justiça, presidentes dos governos regionais e pelos antigos Presidentes da República.

Integra, ainda, cinco cidadãos designados pelo chefe de Estado, que são António Lobo Xavier, Eduardo Lourenço, Luís Marques Mendes, Leonor Beleza, António Damásio, e cinco eleitos pela Assembleia da República: Carlos César, Francisco Pinto Balsemão, Francisco Louçã, Rui Rio e Domingos Abrantes.

A pandemia de covid-19 já provocou mais de um milhão e trinta mil mortos e mais de 34,9 milhões de casos de infeção em todo o mundo, segundo um balanço feito pela agência francesa AFP.

Em Portugal, morreram 2.005 pessoas dos 79.151 casos de infeção confirmados, de acordo com o boletim mais recente da Direção-Geral da Saúde.

Artigos relacionados
MoçambiquePolítica

Moçambique pede apadrinhamento de Portugal na compra da vacina

PolíticaPortugal

Marcelo marca eleições presidenciais portuguesas para 24 de janeiro

PolíticaPortugal

Estado de emergência endurece. Saiba as novas medidas

PolíticaPortugal

Concelhos fechados nos dois fins de semana alargados

Assine nossa Newsletter