Secretário para os Transportes repudia críticas após relatório sobre o metro

Raimundo do Rosário respondeu às críticas sobre o relatório do Comissariado de Auditoria relativo ao metro

por Nelson Moura

Esta semana o “Relatório Auditoria sobre a Falha no Cabo Eléctrico da Linha da Taipa do Metro Ligeiro” teceu alguns reparos à situação que motivou a avaria do sistema e tal deu origem a artigos de opinião na comunicação social do território.

Num deles, foi alegado que algumas informações constantes dos documentos do Governo foram “eliminados” e que houve “irregularidades na realização de tarefas ou no uso de materiais” nas obras. Na resposta, secretário para os Transportes e Obras Públicas nega que tenha havido essa eliminação de informações.

Em comunicado, o gabinete do secretário Raimundo do Rosário diz que o Gabinete para as Infra-estruturas de Transportes (GIT) “foi extinto em 1 de Outubro de 2019, e todos os documentos relativos às obras da responsabilidade desse Gabinete foram gravados num disco rígido”.

Leia mais em TDM Rádio

Pode também interessar

Contate-nos

Meio de comunicação social generalista, com foco na relação entre os Países de Língua Portuguesa e a China

Plataforma Studio

Newsletter

Subscreva a Newsletter Plataforma para se manter a par de tudo!