Moçambique: Apoio externo às eleições orçamentado - Plataforma Media

Moçambique: Apoio externo às eleições orçamentado

O projeto das Nações Unidas e comunidade internacional de apoio ao próximo ciclo eleitoral em Moçambique (2023 e 2024) está orçado em nove mil milhões de dólares, anunciaram os promotores. 

“Hoje celebramos a assinatura com as instituições envolvidas, sob liderança da Comissão Nacional de Eleições, mas também pelo Conselho Constitucional, para avançarmos com o pedido de uma série de apoios”, referiu Narjess Saidane, representante do Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (PNUD) em Moçambique, durante uma cerimónia realizada na terça-feira. 

Leia também: Meninas de Cabo Delgado vendidas pelos rebeldes

À semelhança dos ciclos anteriores, Moçambique depende de ajuda externa para realizar eleições, em que tem havido violência política e indícios de fraude apontados por observadores da União Europeia e EUA, entre outras entidades – mas sem rejeição das vitórias da Frente de Libertação de Moçambique (Frelimo), partido no poder desde a independência em 1975. 

Leia também: Gás natural em Moçambique: Projetos poderão ser substituídos pelo investimento chinês

Em 2023, Moçambique terá eleições autárquicas e para 2024 estão marcadas as eleições gerais, ou seja, presidenciais, legislativas, das assembleias provinciais e distritais. 

Este artigo está disponível em: 繁體中文

Related posts
Editorial

Longe da vista

AngolaMundo

ONU em Angola será coordenada por canadiana

MundoPolítica

Portugal reeleito para o Comité dos Direitos Humanos das Nações Unidas

MoçambiquePolítica

Nyusi exonera embaixador junto das Nações Unidas

Assine nossa Newsletter