Início Política PS acusa Associação de Trabalhadores da Função Pública de Macau de ingerência nas eleições legislativas em Portugal

PS acusa Associação de Trabalhadores da Função Pública de Macau de ingerência nas eleições legislativas em Portugal

A secção de Macau do Partido Socialista acusou, em comunicado enviado à TDM-Rádio Macau, a Associação de Trabalhadores da Função Pública de Macau de estar a apelar ao voto nas eleições legislativas portuguesas.

O comunicado da secção de Macau do PS começa por afirmar que «está a circular na Região Administrativa Especial de Macau (RAEM) uma mensagem eletrónica – via SMS – a apelar ao voto numa força politica especifica nas eleições legislativas da República Portuguesa».

Essa mensagem, acrescenta o comunicado, «refere dois números de telefone (2859 5512 e 2857 0004) que estão associados à Associação de Trabalhadores da Função Pública de Macau (ATFPM), aparecendo como contactos da referida associação na sua página da internet».

Para a secção do PS em Macau, «a ATFPM, como associação sem cariz político constituída à luz do direito da RAEM, tem a obrigação de respeitar a Lei e o dever de não se imiscuir em actos eleitorais de países estrangeiros, seguindo o princípio da não-ingerência em assuntos internos dos Estados escrupulosamente seguido e defendido pela República Popular da China».

Leia mais em TDM Rádio

Contate-nos

Meio de comunicação social generalista, com foco na relação entre os Países de Língua Portuguesa e a China

Plataforma Studio

Newsletter

Subscreva a Newsletter Plataforma para se manter a par de tudo!