Matou a família para ‘salvá-la' da covid-19 - Plataforma Media

Matou a família para ‘salvá-la’ da covid-19

Adam Roth, de 36 anos, acusado de esfaquear a mulher e as cunhadas, matando a parceira e uma das irmãs dela por estar “obcecado com o coronavírus”, foi condenado e teve sentença aplicada.

A decisão propagada por um tribunal de Wisconsin, nos Estados Unidos, determinou que Adam passará o resto da vida internado em uma instituição psiquiátrica. No desenrolar da condenação, Ted Szczupakiewicz, subprocurador distrital da Comarca de Waukesha, pediu “cuidados institucionais em vez de liberdade condicional”.

Leia mais em Istoé

Artigos relacionados
PortugalSociedade

Portugal é o país com maior número de novos casos por milhão de habitantes

Portugal

Portugal regista novo máximo de mortes e de internamentos por Covid-19

BrasilSociedade

Primeira a ser vacinada com a Coronavac no Brasil é mulher, negra e enfermeira

MundoPolítica

Ex-diretor do FBI diz que Trump tem a necessidade de afirmação de uma criança

Assine nossa Newsletter