Eslovénia junta-se a Hungria e Polónia no bloqueio da 'bazuca' europeia - Plataforma Media

Eslovénia junta-se a Hungria e Polónia no bloqueio da ‘bazuca’ europeia

A Eslovénia juntou-se a Hungria e Polónia no bloqueio da bazuca europeia. A decisão desta quarta-feira poderá atrasar a aprovação do Fundo de Recuperação Europeu.

O Fundo vai desbloquear mais de 13 mil milhões de euros para Portugal a fundo perdido, assim como põe em causa a validação do orçamento europeu para o período 2021-2027.

Na véspera do conselho europeu de quinta-feira, o primeiro-ministro da Eslovénia, Janez Jansa, declarou o veto à bazuca europeia por causa da ligação do critério do respeito do Estado de Direito para as decisões orçamentais, noticia a agência France Press esta quarta-feira.

“Só um órgão judicial independente pode dizer o que é o respeito do Estado de Direito, não uma maioria política”, escreveu o chefe do Governo esloveno ao presidente do Conselho Europeu, Charles Michel.

Também esta quarta-feira, o primeiro-ministro da Hungria, Viktor Orbán, considerou que a União Europeia “pretende fazer chantagem sobre os países que se opõem à imigração”, reiterando que “não há acordo possível sem a existência de critérios objetivos e de possibilidade de recurso”.

Leia mais em Dinheiro Vivo

Artigos relacionados
EconomiaPortugal

"Bazuca" de dois mil milhões para metros do Porto e de Lisboa

Cabo VerdeEconomia

Cabo Verde precisa de parte "muito pequenina" da 'bazuca' europeia para relançar o país

EconomiaPortugal

Costa e os fundos europeus: "Temos a bazuca. Mas não podemos falhar o tiro"

Eleitos

Quais os planos do governo para a bazuca financeira da União Europeia?

Assine nossa Newsletter