China e Timor-Leste comprometidos na cooperação económica - Plataforma Media

China e Timor-Leste comprometidos na cooperação económica

A China e Timor-Leste comprometeram-se esta semana a cooperar na iniciativa Faixa e Rota (BRI, no acrónimo em inglês), apoiando os esforços de recuperação económica no período póspandémico. O compromisso foi afirmado pelos ministros dos Negócios Estrangeiros dos dois países.

O Conselheiro de Estado e Ministro das Relações Exteriores da China, Wang Yi, manteve uma conversa telefónica com a homóloga de Timor- Leste, Adaljiza Magno, com ambos a concordarem que os dois países deve- riam fortalecer a cooperação no âmbito da BRI e defender conjuntamente o multilateralismo, noticiou a agência noticiosa chinesa Xinhua.

Wang disse que a China está pronta para injetar um novo impulso para a recuperação pós-pandemia em Timor- Leste, designadamente no âmbito da BRI, expressando a esperança de que um corredor rápido para o intercâmbio de pessoal entre os dois países seja estabelecido o mais rapidamente possível, para garantir o bom andamento dos principais projetos de cooperação e a retoma de obras e da produção.

Wang felicitou Magno pela nomeação como nova ministra dos Negócios Estrangeiros de Timor-Leste e sublinhou que desde o surto da doença causada pelo novo coronavírus, a China tem apoiado Timor-Leste no controlo eficaz da pandemia e está disposta a continuar a oferecer assistência em áreas como a do suprimento de vacinas. De acordo com a Xinhua, Magno felicitou Wang pelo 71o aniversário da fundação da República Popular da China e agradeceu pelo apoio e a ajuda na luta de Timor-Leste contra a pandemia COVID-19, bem como para a economia do país e o desenvolvimento social.

Dili está disposta a trabalhar com China para promover a cooperação no âmbito do BRI e contribuir para a recuperação económica pós-pandémica, disse a responsável.

Magno manifestou a vontade do Go- verno timorense em estabelecer um corredor rápido com a China para maior comodidade do pessoal técnico chinês na chegada a Timor-Leste. Destacando que o mundo se encontra num momento crítico no combate à pandemia COVID-19, Adaljiza Magno disse que Timor-Leste defende firme- mente o multilateralismo.

Este artigo está disponível em: 繁體中文

Assine nossa Newsletter