Obesidade aumenta o risco de morte por covid-19 em quase 50% - Plataforma Media

Obesidade aumenta o risco de morte por covid-19 em quase 50%

Estudo conclui que os obesos correm maior risco de internamento hospitalar em caso de infeção. A mortalidade aumenta 48%, e as futuras vacinas podem não ser tão eficazes nas pessoas obesas.

A obesidade aumenta o risco de morte por covid-19 em quase 50% e pode tornar as vacinas contra a doença menos eficazes, de acordo com um estudo abrangente que recorreu a dados globais.

A investigação agora publicada demonstra que os riscos para as pessoas com obesidade são maiores do que o estimado. Realizado na Universidade da Carolina do Norte, o estudo descobriu que pessoas obesas, com índice de massa corporal (IMC) acima de 30, correm maior risco ao contrair o novo coronavírus. Com covid-19, o risco de acabar numa cama de hospital aumenta em 113%, com os obesos a serem mais propensos a internamento em cuidados intensivos (74%) e a terem um risco maior de morte (48%).

Barry Popkin, professor do departamento de Nutrição da Escola Global de Saúde Pública UNC Gillings, coordenou o estudo e disse ao jornal inglês The Guardian que ficou chocado com as descobertas. O risco de morrer de covid-19 para pessoas com obesidade é significativamente maior do que se pensava.

“É um efeito muito grande. É um aumento de 50%, essencialmente. Este é um número muito alto e assustador, muito mais alto do que esperava”, disse Barry Popkin.

Leia mais em Diário de Notícias

Related posts
AngolaBrasil

Pandemia agradece aos individualismos

Lifestyle

Adele chora ao cancelar espetáculos em Las Vegas devido ao Covid

MundoSociedade

Áustria é o primeiro país da UE a adotar vacinação obrigatória

BrasilSociedade

Laboratório diz que duas doses da Coronavac "neutralizam" Ómicron

Assine nossa Newsletter