Época das flores - Plataforma Media

Época das flores

Com o início da primavera tudo renasce, a temperatura sobe e as flores abrem. As pessoas adoram ver as flores de cerejeira na primavera e as folhas vermelhas do outono. Mas será que este ano estamos preparados para mais uma época deste turismo?

Em Macau, alguns destinos mais populares incluem a Colina da Guia e o Museu da Taipa. Ao longo dos últimos anos, o Instituto para Assuntos Municipais tem plantado várias cerejeiras ao longo da cidade para tornar uma série de lugares mais atrativos. É uma atividade ideal tanto para casais, como famílias.

Em Guangzhou existe também um destino muito popular nesta época, o Parque Nacional de Haizhu, que conta com uma área total de 1,100 hectares e uma área de água de 380 hectares. O parque possui uma grande variedade de vegetação em diferentes estações, incluindo colza e tulipas, e durante o início de março as tão populares flores de cerejeira. Imensos visitantes tiram fotografias pelo parque, usando todo o tipo de vestuário, desde roupa Han tradicional até uniformes escolares.

Ao longo do rio Yangtze, existem também vários locais onde podemos apreciar as flores de cerejeira, como o Lago Mochou em Nanquim e a montanha Zhongshan. Recentemente foi organizada pela Direção dos Serviços de Turismo de Macau uma atividade de promoção da cidade em Hangzhou, coincidindo com a época das cerejeiras. Hangzhou é também conhecida por estas árvores, ao longo do Lago Oeste e do rio Qiantang vemos um mar de cerejeiras, simplesmente deslumbrante.

Um mundo colorido em constante mudança. Se estivermos de bom humor e olharmos para estas flores, vamos ficar ainda mais bem-dispostos. Se estivermos em baixo, as flores vão ajudar a aliviar um pouco do nosso fardo. Num mundo em que a pandemia perturba a vida de todos, as flores ajudam-nos a entender a beleza da natureza. Ainda se lembra da última vez que foi ver flores com alguém? 

*Editor da edição em chinês do Plataforma

Este artigo está disponível em: 繁體中文

Related posts
Opinião

Regresso

Opinião

Férias em trabalho

Opinião

Constituição física

Editorial

Sentido de humor

Assine nossa Newsletter