Guerra de Trump com os correios origina processo judicial - Plataforma Media

Guerra de Trump com os correios origina processo judicial

Várias personalidades, incluindo candidatos à administração pública, processaram, esta segunda-feira, o Presidente norte-americano, o republicano Donald Trump, o Serviço Postal dos Estados Unidos e o novo diretor dos correios, para assegurar financiamento adequado para as operações dos correios.

O processo foi entregue no tribunal federal de Manhattan, Nova Iorque, em resposta aos comentários feitos pelo chefe de Estado norte-americano e às decisões implementadas pelo novo diretor dos correios dos Estados Unidos, Louis DeJoy, para alterar as operações dos postos de correios a nível nacional, explicita a Associated Press (AP).

Donald Trump tem manifestado a sua oposição ao voto por correio, que considera só se justificar quando os eleitores não estão no seu estado de residência no dia das eleições, e defendido que o processo abre caminho a fraudes eleitorais.

Numa entrevista publicada na quinta-feira, Trump admitiu que tem bloqueado novos fundos pedidos pelos serviços postais para evitar uma votação por correio universal nas presidenciais de novembro.

O novo diretor dos serviços postais, Louis DeJoy, aliado do Presidente e em funções desde junho, procedeu a numerosas alterações ao funcionamento dos serviços, com queixas de atrasos, cortes e subida de preços.

Leia mais em Jornal de Notícias

Assine nossa Newsletter