Tribunal autoriza entrega de documentos sobre invasão do Capitólio

Tribunal autoriza entrega de documentos sobre invasão do Capitólio

Um tribunal dos EUA autorizou ontem que os documentos relacionados com a invasão do Capitólio, por apoiantes de Donald Trump, ocorrida a 6 de janeiro, sejam entregues a uma comissão de investigação do Congresso, apesar das tentativas do ex-presidente de evitar essa medida

“O tribunal considera que o interesse público está em permitir, e não proibir, a vontade combinada dos poderes Legislativo e Executivo de estudar os acontecimentos que ocorreram e conduziram ao 6 de janeiro”, escreveu a juíza federal Tanya Chutkan em sua decisão.

Trump queria impedir que a Comissão de Investigação da Câmara dos Representantes, controlada pelos democratas, recebesse centenas de documentos, incluindo a lista de pessoas que o visitaram ou telefonaram para ele no dia do ataque ao Capitólio. O republicano invocou o direito do Poder Executivo de manter certas informações em sigilo.

Os advogados de Trump mostraram vontade de apelar da decisão, segundo o jornal “Washington Post”.

A comissão que investiga a invasão do Congresso lançou nesta terça-feira uma nova rodada de intimações de membros do círculo do ex-presidente, entre eles Kayleigh McEnany, que foi seu porta-voz na Casa Branca. 

Related posts
MundoSociedade

Primeiros sinais de gravidade da ómicron são "encorajadores"

BrasilPolítica

EUA confiam plenamente que o Brasil terá eleições 'livres e justas'

EconomiaMundo

Congresso dos EUA evita paralisação do Governo Federal

ChinaPolítica

Uso da Cimeira pela Democracia para isolar China vai falhar

Assine nossa Newsletter