Jesus: "Não preciso que um vice-presidente me venha alertar" para apuramento da Champions - Plataforma Media

Jesus: “Não preciso que um vice-presidente me venha alertar” para apuramento da Champions

Jorge Jesus, técnico do Benfica, assumiu com naturalidade a obrigatoriedade do apuramento para a Champions na próxima época e sentiu-se incomodado com as declarações de Jaime Antunes, vice-presidente, que abordou o tema. O técnico diz que o futebol português está pior fora do campo e confirma titularidade de Seferovic, em Guimarães.

Assume a obrigatoriedade do apuramento para a Champions, em agosto, como defendeu o vice-presidente Jaime Antunes? “Claro que sim, onde está a dúvida? A responsabilidade é a mesma do que quando aqui cheguei e é grande. Não preciso que um ‘vice’ do Benfica me venha altertar para esse facto, pois falo todos os dias com o presidente de futebol, com Rui Costa, Domingos Soares Oliveira e também Tiago Pinto quando cá estava”, respondeu o treinador.

Leia mais em Jornal de Notícias

Assine nossa Newsletter