Funeral de jovem manifestante morto em Luanda realiza-se sábado - Plataforma Media

Funeral de jovem manifestante morto em Luanda realiza-se sábado

O funeral de Inocêncio de Matos vai ser finalmente realizado no sábado.

O jovem manifestante morto no dia 11 de Novembro, em Luanda, será enterrado num dos cemitérios da capital, depois de efectuada, ontem, a segunda autópsia, requerida pela família.

A referida autópsia, uma pretensão motivada pelas dúvidas que a morte do activista causou junto de familiares e amigos, foi acompanhada por um fotógrafo indicado pelos parentes de Inocêncio de Matos. Esta questão tinha sido objecto de um braço-de-ferro entre a família e a Procuradoria-Geral da República (PGR).

Num primeiro momento, a PGR rejeitou concretizar a segunda autópsia devido às exigências dos familiares. Inocêncio de Matos, 27 anos, era estudante do terceiro ano de Ciências da Computação na Universidade Agostinho Neto. Morreu no dia 11 de Novembro, na Avenida Hoji ya Henda, em Luanda, em circunstâncias ainda por apurar, quando o grupo em que seguia foi interceptado por agentes da Polícia Nacional.

A PGR, na primeira autópsia (realizada sem a presença dos familiares ou dos seus representantes legais), indicou que a morte ocorreu na sequência de ofensa corporal “com objecto de natureza contundente”. A família de Inocêncio de Matos desconfia desta versão.

Leia mais em Jornal de Angola

Este artigo está disponível em: 繁體中文

Artigos relacionados
AngolaPolítica

João Lourenço: "Manifestações não têm de acabar em violência"

AngolaPolítica

Angolanos voltam aos protestos desta vez sem incidentes

AngolaSociedade

"Manifestação não é motivo para assassínio", diz pai de jovem morto em Luanda

AngolaSociedade

Julgamento de manifestantes em Luanda termina com 71 condenados por desobediência

Assine nossa Newsletter