Vítor Aguiar e Silva é o Prémio Camões 2020, um crítico do novo Acordo Ortográfico - Plataforma Media

Vítor Aguiar e Silva é o Prémio Camões 2020, um crítico do novo Acordo Ortográfico

Depois de Chico Buarque ter recebido o Prémio Camões na edição do ano passado, Vítor Manuel de Aguiar e Silva foi o nome escolhido pelo júri que esteve reunido até há momentos no Brasil. A ministra da Cultura, Graça Fonseca, anunciou o vencedor.

Vítor Manuel de Aguiar e Silva é o vencedor da edição 2020 do Prémio Camões. É um dos “eminentes professores” signatários da Petição em Defesa da Língua Portuguesa contra o Acordo Ortográfico, que conta mais mais de cem mil assinaturas.

É investigador dedicado ao estudo da literatura portuguesa dos séculos XVI e XVII, bem como da obra camoniana e das metodologias literárias.

Da sua vasta bibliografia (ver abaixo), destaca-se Teoria da Literatura (1967), A Estrutura do Romance (1974), Teoria e Metodologia Literárias (1990), Camões: Labirintos e Fascínios (1994).

Nascido em 1939, Aguiar e Silva é um professor, escritor e poeta português.

Leia mais em Diário de Notícias

Artigos relacionados
Uncategorized

Entrevista na íntegra de Celso Amorim ao Plataforma

BrasilCultura

Semifinalistas do Prémio de Literatura Oceanos divulgados hoje

Cultura

Chico Buarque agradece prêmio Camões e pede 'cheirinho de alecrim'

Assine nossa Newsletter