"Depois do coronavírus, Lisboa vai livrar-se dos Airbnb", afirma Medina - Plataforma Media

“Depois do coronavírus, Lisboa vai livrar-se dos Airbnb”, afirma Medina

Num artigo de opinião publicado no jornal britânico The Independent, o autarca Fernando Medina afirma “querer trazer a vida da cidade para o centro”.

Num artigo de opinião publicado no jornal britânico The Independent, Fernando Medina defende que “depois do coronavírus, Lisboa vai livrar-se dos Airbnb e transformar os arrendamentos de férias de curta duração em casas para trabalhadores essenciais”.

O presidente da Câmara Municipal de Lisboa reconhece que, nos últimos anos a cidade tem “beneficiado muito” dos “milhões de turistas”, mas que foi “pago um preço social”.

Indicando que “um terço do centro da cidade é ocupado com arrendamentos de férias”, Medina escreve que “trabalhadores essenciais e as suas famílias” foram forçados a sair do centro da cidade, devido às elevadas rendas.

Leia mais em Diário de Notícias

Este artigo está disponível em: English

Artigos relacionados
PortugalSociedade

Covid-19: mais 131 casos e seis mortos em Portugal

PortugalSociedade

Portugal acorda em chamas, dois fogos activos e dois em resolução

PortugalSociedade

Onze hospitais têm carências em dez ou mais especialidades médicas

PortugalSociedade

Mais de 60% dos “ausentes” do trabalho são mulheres

Assine nossa Newsletter

Vale a pena ler...
Imobiliário. Seis razões que fazem de Portugal um paraíso para investidores chineses