Em Moçambique, covid-19 obriga a fazer quilómetros, descalços ou em chinelos - Plataforma Media

Em Moçambique, covid-19 obriga a fazer quilómetros, descalços ou em chinelos

A covid-19 faz mal aos pés de quem é obrigado a fazer 40 quilómetros descalço ou de chinelos, velhos e presos com pedaços de arame, em estradas de pó ou, para quem tem sorte, asfaltadas.

O novo coronavírus atirou centenas de pessoas para as estradas e caminhos, a pé, entre aldeias do interior de Moçambique para comprar bens essenciais, porque as restrições à lotação de transportes coletivos, impostas pela covid-19, não deixa alternativa.

Leia mais em Diário de Notícias

Artigos relacionados
ChinaPolítica

Xi Jinping anuncia erradicação da "pobreza absoluta" na China

BrasilSociedade

Em 2018, 12,1% dos brasileiros viviam abaixo da linha de pobreza

BrasilChina

Wuhan volta a detetar coronavírus em carne importada do Brasil

MundoSociedade

Conheça os dez países mais pobres do mundo. Um fala a língua de Camões

Assine nossa Newsletter