Rede Global - Plataforma Media

Rede Global

Em menos de um semestre, o Global Media Group dá ao mercado os primeiros projetos permitidos pela injeção de capital que Kevin Ho e a KNJ lançaram num dos mais relevantes e promissores grupos média em português. Esta semana lançámos o “V”, canal de vídeo mobile, com ritmos e formatos que entusiasmam pela inovação e ambição digital. Hoje, no Porto, o Jornal de Notícias comemora 130 anos, com uma renovação gráfica que reforça o líder popular de referência e uma conferência sobre a economia da língua. 

A comunicação vídeo enviada pelo secretário Alexis Tam garante a Macau lugar de relevo num painel que inclui, entre outros, o Presidente da República Portuguesa, Marcelo Rebelo de Sousa, o ex-presidente brasileiro, Fernando Henrique Cardoso, o ministro angolano da Comunicação Social, João Melo, o Presidente da República de Cabo Verde, Jorge Carlos Fonseca, o ministro angolano da Comunicação Social, João Melo, o prémio Nobel das Paz, Ramos Horta, o ministro português dos Negócios Estrangeiros, Augusto Santos Silva… O Plataforma transmite em direto a conferência no novo site que também estreia neste contexto de novidades em catadupa: www.plataformamedia.com. 

Arrancamos primeiro em português. Nas próximas semanas também em inglês e chinês – tradicional e simplificado. A parceria com o Global Media Group permite uma ambição inédita em Macau, lançando um diário online multilingue, mantendo às sextas a versão em papel. A rede média unida em torno deste projeto inclui parcerias com a TDM, Folha de São Paulo, TV Bandeirantes, Jornal de Angola, Grupo Media Nova… Seguem-se marcas de Cabo Verde e Moçambique, em negociação final; às quais se juntam marcas Global Media, como o Diário de Notícias, Jornal de Notícias, TSF e O Jogo. 

O Plataforma propõe-se um produto único nos mercados globais: plataforma multilingue e multimédia que dá corpo a sonhos antigos na geografia da língua… desde a CPLP, aposta do saudoso embaixador brasileiro, José Aparecido de Oliveira, e que hoje tem adeptos relevantes e conscientes em todo o mundo, incluindo o Fórum Macau, lançado pelo ex-primeiro chinês Wen Jiabao. 

Paulo Rego  01.06.2018

Este artigo está disponível em: 繁體中文

Assine nossa Newsletter