Início Hong Kong PSP deteve português residente em Hong Kong que causou desacatos no Consulado

PSP deteve português residente em Hong Kong que causou desacatos no Consulado

A PSP deteve um indivíduo de nacionalidade portuguesa e residente em Hong Kong depois de ter causado desacatos no Consulado-Geral de Portugal, tendo destruído equipamento e causado ferimentos em duas trabalhadoras que receberam assistência hospitalar. Foi o que confirmou à TDM a representação diplomática portuguesa na RAEM.

Segundo o consulado, o indivíduo deslocou-se ao Consulado-Geral, alegando ter dado entrada a dois processos numa Conservatória em Portugal, e reagiu violentamente à informação de que seria ilegal repetir qualquer pedido, devendo aguardar a conclusão dos processos iniciados na referida Conservatória.

A representação diplomática diz que os processos em apreço não foram apresentados no Consulado Geral, nem foram processados em Macau. O Consulado lamenta os transtornos causados aos utentes e diz estar a estudar medidas de reforço da segurança das instalações, de modo a evitar comportamentos inaceitáveis e riscos para os trabalhadores e utentes.

Contate-nos

Meio de comunicação social generalista, com foco na relação entre os Países de Língua Portuguesa e a China

Plataforma Studio

Newsletter

Subscreva a Newsletter Plataforma para se manter a par de tudo!