Chamem-lhe Lupin: Omar Sy em modo ladrão sedutor - Plataforma Media

Chamem-lhe Lupin: Omar Sy em modo ladrão sedutor

Inspirada pelas aventuras da famosa personagem criada por Maurice Leblanc, a série francesa Lupin, em destaque no catálogo Netflix neste arranque de 2021, é um elogio ao “antigo” vício da leitura, hoje em dia perdido para outros hábitos mais tecnológicos

Troca-se a cartola e o monóculo pela boina e o sobretudo, acrescenta-se um sorriso afável e uma história de vingança, e está aí o espírito do centenário ladrão de casaca nascido da pena de Maurice Leblanc transposto para os tempos modernos. É essa a sugestão de Lupin, a série Netflix que aposta todas as fichas no semblante gentil de Omar Sy, o popular ator francês de Amigos Improváveis, para forjar uma trama contemporânea com essência literária. Quer dizer, não se trata de uma adaptação dos livros de Leblanc mas sim de um mergulho no fascínio à volta da sua célebre personagem, Arsène Lupin, aqui evocada por Assane Diop (Omar Sy), um hábil copycat que sustenta os primeiros cinco episódios disponíveis, desde a performance num leilão que decorre no Museu do Louvre a um atribulado passeio no Havre.

Quando encontramos Assane Diop na equipa de limpeza noturna do Louvre ainda não fomos apresentados à sua arte camaleónica. Com aparência de um homem simples no seu trabalho quotidiano ele sinaliza um alvo ao observar o colar da rainha Maria Antonieta, exposto antes de ser leiloado na semana seguinte. A atenção sobre esse objeto valioso traz água no bico: quando era ainda adolescente Diop viu o pai, um motorista de uma família milionária, ser acusado e preso pelo roubo de um colar, o que acabou por lhe pôr termo à vida. Uma tragédia que se misturou com a leitura ávida de um livro, Arsène Lupin, que o próprio pai lhe ofereceu e que moldou o seu crescimento, fazendo dele um ladrão gentleman que rouba aos ricos, com métodos sofisticados, ao mesmo tempo que procura ser um bom pai para o filho e o amigo fiel da ex-mulher.

Leia mais em Diário de Notícias

Artigos relacionados
CulturaMundo

George Clooney fala sobre o seu novo filme para a Netflix e ataca Trump

EconomiaLifestyle

Pandemia beneficiou plataformas de streaming nos Estados Unidos

BrasilCultura

Netflix anuncia 'Maldivas', nova série brasileira com Manu Gavassi, Bruna Marquezine e Sheron Menezes

Cultura

Ministro britânico pede que Netflix diga que The Crown é ficção

Assine nossa Newsletter