CHUI SAI ON SEM RIVAIS NA CORRIDA À CHEFIA DO EXECUTIVO - Plataforma Media

CHUI SAI ON SEM RIVAIS NA CORRIDA À CHEFIA DO EXECUTIVO

 

Novamente sem adversários, o chefe do Executivo foi proposto por 331 membros do colégio eleitoral

 

O chefe do Executivo de Macau, Fernando Chui Sai On, vai concorrer sozinho a um segundo mandato como líder do Governo, depois da Comissão Eleitoral não ter recebido nenhuma outra candidatura válida, foi anunciado.   Um comunicado da Comissão Eleitoral, distribuído na terça-feira, anunciou que Chui Sai On entregou a sua candidatura com 331 proponentes membros do colégio eleitoral que escolhe o líder do Governo, enquanto um outro residente, Lei Kuong Un, apresentou a sua “candidatura” com 110 nomes, mas nenhum deles elemento do colégio eleitoral.

Um candidato a chefe do Governo de Macau tem de ser proposto por um mínimo de 66 dos 400 elementos do colégio eleitoral. Este órgão escolhe depois no dia 31 de agosto quem será o ‘quarto’ chefe do Governo de Macau, que tomará posse a 20 de dezembro.

Numa nota enviada à imprensa, a Comissão Eleitoral revelou também que a 16 de agosto, durante três horas, o candidato a chefe do Governo terá de apresentar o seu programa político aos 400 elementos do colégio eleitoral, seguindo-se uma sessão de debate com os presentes.

Há cinco anos, quando se candidatou pela primeira vez a líder do Governo, Chui Sai On também concorreu sozinho.

O seu antecessor, Edmund Ho, que cumpriu igualmente dois mandatos à frente do Governo – nos primeiros 10 anos depois da transição de poderes de Portugal para a China, que aconteceu a 20 de dezembro de 1999 – apenas teve oposição na primeira eleição.

 

Este artigo está disponível em: 繁體中文

Related posts
Opinião

Liberalismo selvagem

Opinião

A Carne De Porco É Cara? Criemos Porcos!

Opinião

Pedido de Compensação Americano Terá Lugar Amanhã

Opinião

O caminho da montanha

Assine nossa Newsletter