Início Timor-Leste Governo timorense vai atribuir bolsas de estudo a filhos de antigos combatentes

Governo timorense vai atribuir bolsas de estudo a filhos de antigos combatentes

O Governo de Timor-Leste vai disponibilizar 1,1 milhões de dólares para atribuir 1.300 bolsas de estudo a filhos de antigos combatentes, informou hoje o executivo timorense.

As candidaturas para as bolsas de estudo podem ser apresentadas entre 5 de março e 3 de abril e vão abranger todos os níveis de ensino, do básico ao superior, tanto em Timor-Leste, como no estrangeiro.

“Os critérios de elegibilidade incluem os filhos de combatentes que faleceram durante a luta pela libertação nacional e de combatentes que beneficiem de pensões especiais de subsistência ou de reforma”, refere o Governo timorense. Para este ano, as autoridades timorenses têm um total de 1.300 vagas, 100 por cada município de Timor-Leste.

As bolsas de estudo vão ser atribuídas pelo Ministério dos Assuntos dos Combatentes da Libertação Nacional, que disponibiliza mais informação na página oficial daquele ministério apresentada esta semana.

O novo portal tem como objetivo simplificar o acesso aos serviços do ministério, permitindo que os veteranos e familiares consultem os seus dados sem necessidade de se deslocarem à capital do país.

Plataforma com Lusa

Contate-nos

Meio de comunicação social generalista, com foco na relação entre os Países de Língua Portuguesa e a China

Plataforma Studio

Newsletter

Subscreva a Newsletter Plataforma para se manter a par de tudo!