Biden condiciona baixar taxas às importações chinesas ao impacto para os trabalhadores - Plataforma Media

Biden condiciona baixar taxas às importações chinesas ao impacto para os trabalhadores

O Presidente dos EUA, Joe Biden, continua a considerar reduzir as taxas sobre produtos importados da China que o o seu antecessor, Donald Trump, implementou, mas condiciona a decisão ao impacto que pode ter para os trabalhadores

“Há potenciais implicações laborais. [Joe Biden] não fará nada que acredite que possa prejudicar os trabalhadores nos Estados Unidos”, disse hoje a secretária de Comércio, Gina Raimondo à CBS.

Leia também: Biden e presidente chinês vão conversar nas ‘próximas semanas’

O Presidente norte-americano quer reduzir a inflação e beneficiar os consumidores, também “para ter certeza de que quando fizermos, se o fizermos, não haverá impacto sobre os trabalhadores americanos”, disse Raimondo no programa “Face the Nation”.

Leia mais em Hoje Macau

Related posts
EconomiaPortugal

Importações disparam à custa dos combustíveis e agravam défice da balança comercial em Portugal

MundoPolítica

Vice-presidente dos EUA lança ofensiva de 600 milhões de dólares no Pacífico

ChinaPolítica

China aconselha países asiáticos a recusarem ser peças de jogo de xadrez

MacauSociedade

Setor do jogo perdeu mais de 1700 trabalhadores no quarto trimestre

Assine nossa Newsletter