Conversações sobre nuclear iraniano retomadas amanhã

Conversações sobre nuclear iraniano retomadas amanhã

As negociações para salvar o acordo sobre o programa nuclear iraniano serão retomadas amanhã, depois de os países integrantes do pacto terem pedido tempo para estudar as propostas de Teerão, anunciou ontem o negociador oficial do Irão

“Achei necessário, nesta fase, consultar as autoridades russas para continuar as negociações na quinta-feira numa atmosfera construtiva”, afirmou o vice-ministro dos Negócios Estrangeiros iraniano, Ali Bagheri, segundo o portal Iribnews, da televisão estatal, antes de partir para Moscovo.

As negociações para salvar o acordo nuclear com o Irão foram retomadas a 29 de novembro, após um hiato de cinco meses, mas estão suspensas novamente desde sexta-feira, com os países que ainda fazem parte do pacto a pedirem tempo para estudar as propostas iranianas. 

Poucas horas antes das palavras de Bagheri, a França considerou que as propostas formuladas por Teerão não constituem “uma base razoável” para salvar o acordo que visa impedir Teerão de adquirir armas nucleares. 

“O tempo está a esgotar-se porque o Irão continua com o seu programa nuclear numa trajetória extremamente preocupante”, afirmou a porta-voz da diplomacia francesa, Anne-Claire Legendre. 

Leia também: Macron pede ao Irão para voltar “rapidamente” a respeitar acordo

Hoje de manhã, Bagheri defendeu que as propostas feitas por Teerão representam “iniciativas muito úteis e construtivas” e que “podem fazer avançar o processo de negociação”.

Concluído em 2015 entre o Irão e as grandes potências (Estados Unidos, Rússia, China, França, Alemanha e Reino Unido), o acordo está em causa desde a retirada unilateral do pacto dos Estados Unidos, em 2018, e do restabelecimento das sanções, levando Teerão, em resposta, a desvincular-se da maioria dos seus compromissos. 

O acordo oferece a Teerão o levantamento de parte das sanções que sufocam a sua economia em troca de uma redução drástica do programa nuclear, colocado sob estrito controlo da ONU.

Related posts
MundoPolítica

Negociações para salvar acordo nuclear iraniano são retomadas em Viena

MundoPolítica

Poucas semanas para salvar acordo nuclear iraniano, adverte EUA

EconomiaMundo

Presidente do Irão promete reerguer economia do país

MundoPolítica

EUA e Estados árabes do Golfo emitem advertência conjunta ao Irão

Assine nossa Newsletter