"Meu pai não me reconheceu após anos a usar creme para clarear a pele" - Plataforma Media

“Meu pai não me reconheceu após anos a usar creme para clarear a pele”

Moradora da cidade de Bradford, na Inglaterra, Grazia, uma mulher negra, usou clareadores de pele por tantos anos que seu pai não a reconheceu mais.

Hoje com 29 anos, ela contou à BBC que começou a usar um corticosteroide muito potente aos 18 anos —e só interrompeu o uso no ano passado. Por morar no exterior há muitos anos, ela sempre passou longos períodos sem ver a família.

“Meu pai uma vez disse que não me reconheceu porque não nos víamos havia dois anos”, relata Grazia. “Quando ele me viu, ficou chocado, porque eu estava com a cor muito clara.”

“Ele ficou decepcionado, triste e me implorou para parar [de usar os cremes].” As pomadas usadas pela mulher servem na verdade como tratamento curto para certas doenças de pele, como o eczema.

Por serem muito potentes, elas devem ser usadas por no máximo uma semana, segundo recomendação de autoridades de saúde britânicas.

Leia mais em Folha de S. Paulo

Assine nossa Newsletter