Macau analisa impacto de fim da importação de lixo pela China - Plataforma Media

Macau analisa impacto de fim da importação de lixo pela China

A Direcção dos Serviços de Protecção Ambiental (DSPA) está ainda a analisar que medidas a tomar na sequência do anúncio recente da China de que dentro de três semanas vai banir a importação de resíduos sólidos do exterior.

Questionado pelos jornalistas, à margem do programa “Fórum Macau”, do canal chinês da Rádio Macau, sobre o impacto da proibição, dado que Macau exporta lixo para o interior da China, o director da DSPA, Raymond Tam, afirmou apenas que as duas partes estão em contacto para definir as medidas a tomar, sem concretizar.

Aos microfones da Ou Mun Tin Toi, Raymond Tam prometeu ainda assim apoio ao sector da recolha de lixo para que se possa adaptar ao fim da importação de resíduos sólidos por parte da China.

Leia mais em TDM – Rádio Macau.

Artigos relacionados
BrasilSociedade

Projeto plantará uma árvore para cada morte por covid-19 no Brasil

ChinaSociedade

Uso de águas reutilizadas vai crescer nos próximos anos

MacauPolítica

Aterros da discórdia

Mundo

Ambiente: Greta Thunberg resume a cimeira One Planet em "bla bla bla"

Assine nossa Newsletter