Início » Ex-guarda nazi pede desculpas pelo Holocausto durante julgamento

Ex-guarda nazi pede desculpas pelo Holocausto durante julgamento

Bruno Dey, 93, trabalhava no campo de concentração de Stutthof, na Polônia

Um ex-guarda da Schutzstaffel (SS), organização paramilitar de Hitler, pediu desculpas nesta segunda-feira (20) às vítimas do Holocausto.

“Gostaria de me desculpar diante daqueles que sofreram esse inferno e diante de seus familiares. Algo semelhante nunca deve acontecer novamente”, declarou Bruno Dey, 93, que está sendo julgado em Hamburgo, na Alemanha.

Dey trabalhava no campo de concentração de Stutthof, no norte da Polônia, e disse que compreendeu “toda magnitude e crueldade” do que acontecia por lá com as declarações das testemunhas do processo.

Leia mais em Folha de S. Paulo

Contact Us

Generalist media, focusing on the relationship between Portuguese-speaking countries and China.

Plataforma Studio

Newsletter

Subscribe Plataforma Newsletter to keep up with everything!