Início Brasil Polícia decide oferecer recompensa pela captura de “rambos brasileiros”

Polícia decide oferecer recompensa pela captura de “rambos brasileiros”

Fugidos há já duas semanas de prisão de segurança máxima, Tatu e Querubin, ambos do Comando Vermelho, driblam polícia literalmente nos intervalos da chuva, comem fruta roubada e dormem em redes de casas cujos donos subornam

A polícia brasileira decidiu oferecer 15 mil reais, cerca de três mil euros, a quem forneça informações que possam levar à captura de Deibson Cabral Nascimento, conhecido como Tatu, e Rogério da Silva Mendonça, chamado por Querubin, fugidos há quase duas semanas da prisão de segurança máxima de Mossoró, no Rio Grande do Norte, no Brasil, apesar dos mais de 500 polícias, de cães farejadores, de helicópteros e de drones colocados à disposição nas buscas.

Os investigadores afirmam que os fugitivos, os primeiros da história a conseguirem escapar de um dos cinco estabelecimentos prisionais de segurança máxima do país, pagaram cinco mil reais, o equivalente a aproximadamente mil euros, para utilizar uma casa no meio do mato, onde a polícia encontrou roupas, comida e até duas redes onde eles supostamente descansaram. Foi encontrado ainda um pequeno túnel utilizado, segundo as autoridades, para a dupla escapar do alcance dos drones, que medem mapas de calor humano, revelou o programa Fantástico, da TV Globo.

Leia mais em Diário de Notícias

Contate-nos

Meio de comunicação social generalista, com foco na relação entre os Países de Língua Portuguesa e a China

Plataforma Studio

Newsletter

Subscreva a Newsletter Plataforma para se manter a par de tudo!