Bob Dylan processado por alegada agressão sexual de menor em 1965

Bob Dylan processado por alegada agressão sexual de menor em 1965

Segundo a queixa, o cantor “abusou do seu estatuto de músico para fornecer álcool e drogas a J.C. e para a agredir sexualmente em várias ocasiões”.

O cantor norte-americano Bob Dylan está a ser processado num tribunal de Nova Iorque, acusado de agredir sexualmente uma menor há quase 60 anos, em 1965.

A ação apresentada na sexta-feira pela queixosa, identificada apenas pelas iniciais J.C., alega que Bob Dylan a agrediu quando tinha 12 anos, durante um período de seis semanas, entre abril e maio de 1965, de acordo com a agência de notícias France-Presse (AFP).

Segundo a queixa, o cantor “abusou do seu estatuto de músico para fornecer álcool e drogas a J.C. e para a agredir sexualmente em várias ocasiões”.

Dylan é ainda acusado de ameaçar fisicamente a menor.

Leia mais em TSF

Assine nossa Newsletter