Coleção de vinhos raros da Borgonha é leiloada por 8,7 milhões de euros

Coleção de vinhos raros da Borgonha é leiloada por 8,7 milhões de euros

Uma coleção de 2 mil vinhos raros e luxuosos de um dos vinhedos mais exclusivos da Borgonha, região no leste da França, foi leiloada neste domingo (18) por cerca de 8,7 milhões de euros, segundo a casa de leilões suíça Baghera Wines

O vinhedo Romanée, composto por apenas 85 áreas, é a menor Denominação de Origem Controlada (AOC) do mundo. Com uma produção de 3.600 garrafas por ano, esse vinho é um dos “grands crus” mais procurados da Borgonha.

A Baghera Wines, com sede em Genebra, leiloou 1.819 garrafas, 106 garrafas “magnum” e uma garrafa “jéroboam” de Romanée, por um valor total que ultrapassou os 10 milhões de dólares.

Os vinhos leiloados foram produzidos entre 1862 e 2005 pela vinícola Bouchard Père et Fils, localizada no centro-leste da França.

Os compradores chegaram a pagar 201.300 francos suíços (mais de 218 mil dólares) por uma garrafa produzida em 1865.

O sucesso do leilão reflete “a qualidade próxima da perfeição dos produtos apresentados”, disse Michael Ganne, diretor executivo da Baghera Wines.

Related posts
MundoPolítica

Deputado francês exibe baseado no Parlamento para exigir legalização da canábis

MundoSociedade

Militares autores de texto polémico na França serão punidos

EconomiaMundo

Macron e Draghi impacientes com lentidão do plano de recuperação da UE

PortugalSociedade

Bala perdida que matou emigrante em França foi disparada por outro português

Assine nossa Newsletter