Curva da pandemia está a estabilizar em África - Plataforma Media

Curva da pandemia está a estabilizar em África

África do Sul teve uma das mais significativas descidas, o que possibilitou, em grande medida, este novo momento da pandemia.

O diretor do Centro de Controlo e Prevenção de Doenças africano (África CDC), John Nkengasong, considerou esta quinta-feira que o continente está a achatar a curva de crescimento da pandemia de Covid-19, mas alertou que a prevenção tem de continuar.

“Na última semana houve um aumento de 7% dos novos casos, mais de 10 mil por dia, mas comparando com a semana anterior, tínhamos 11 mil, o que revela um ligeiro decréscimo, o que é um sinal de esperança porque estamos a começar lentamente a achatar a curva de crescimento”, disse o responsável durante a conferência de imprensa semanal do África CDC, a partir de Adis Abeba.

“Dizemos isto com precaução, o vírus é muito delicado, não queremos que as pessoas se cansem de cumprir as medidas necessárias, como lavar as mãos, usar máscara e manter o distanciamento social, mas é importante que reconheçamos as tendências positivas”, acrescentou Nkengasong.

Questionado sobre se esta ideia resultava de um decréscimo num país específico ou se era o reflexo de um abrandamento generalizado no continente, Nkengasong admitiu que a África do Sul teve uma das mais significativas descidas, mas salientou que três das cinco regiões africanas também registaram melhorias significativas.

Artigos relacionados
MundoSociedade

Alerta da Interpol: crime organizado está focado nas vacinas para a Covid 19

PortugalSociedade

Portugal com mais 3384 novos casos e 68 mortes por covid-19

PolíticaPortugal

Diretora-geral da Saúde de Portugal infetada com Covid-19

MundoSociedade

Comediante começa a documentar a sua experiência com Covid-19, mas morre

Assine nossa Newsletter