Início » China expande isenção de visto à entrada para seis países

China expande isenção de visto à entrada para seis países

A China decidiu expandir ainda mais o âmbito da sua política-piloto de isenção de visto à entrada para nacionais de seis países: Suíça, Irlanda, Hungria, Áustria, Bélgica e Luxemburgo.

Nelson Moura

Segundo a Agência de Notícias Xinhua, de 14 de março a 30 de novembro de 2024, os titulares de passaportes dos seis países acima mencionados que venham à China para negócios, turismo, visitar parentes e amigos, por um período não superior a 15 dias, poderão entrar na China sem visto.

Nacionais dos países acima mencionados que não cumpram as condições para isenção de visto ainda vão precisar de solicitar um visto antes de entrar na China. Em novembro do ano passado, a China expandiu o seu teste de isenção de visto para seis países: França, Alemanha, Itália, Países Baixos, Espanha e Malásia.

Até agora, o número de países com quem a China tentou a isenção unilateral de vistos aumentou de dois países (Brunei e Singapura) para 14, com os países abrangidos a incluir apenas países na Ásia e Europa.

Contact Us

Generalist media, focusing on the relationship between Portuguese-speaking countries and China.

Plataforma Studio

Newsletter

Subscribe Plataforma Newsletter to keep up with everything!