Pedro Nuno Santos já admite reforma na justiça portuguesa

O cenário é a Linha do Oeste, que está em obra desde 2020, mas o alvo de Pedro Nuno Santos é a direita. Depois de um debate tenso com André Ventura, o secretário-geral socialista já admite uma reforma na justiça, no tempo certo, mas atira à “bagunça” que existe à direita.

por Gonçalo Lopes

A Linha do Oeste está em obra há quase quatro anos, o que já mereceu críticas dos populares, mas Pedro Nuno Santos centra-se no “trabalho feito” e no cenário que a governação socialista deixa: “O país está em obra”.

“Hoje podemos falar em atrasos, nos governos da direita não podíamos sabem porquê? Porque não havia obra. A grande diferença entre nós e eles é que nós fazemos. Não arrastamos os pés e não deixamos para depois”, acrescentou.

Leia mais em TSF

Pode também interessar

Contate-nos

Meio de comunicação social generalista, com foco na relação entre os Países de Língua Portuguesa e a China

Plataforma Studio

Newsletter

Subscreva a Newsletter Plataforma para se manter a par de tudo!