Início Economia Prestações da casa com Euribor a 3 meses já devem descer em dezembro e janeiro

Prestações da casa com Euribor a 3 meses já devem descer em dezembro e janeiro

O governador do Banco de Portugal afirma que o topo das Euribor foi registado no quarto trimestre deste ano, esperando que as prestações dos contratos indexados à Euribor a três meses já registem uma ligeira redução em dezembro e janeiro.

“Atingimos o topo das taxas Euribor no quarto trimestre de 2023. As atualizações trimestrais nos contratos em que a Euribor a três meses é utilizada a partir de dezembro e janeiro já vão refletir uma ligeira redução das taxas”, disse Mário Centeno, na conferência de imprensa de apresentação do Boletim Económico de dezembro, em Lisboa.

O responsável do banco central explicou que “em fevereiro, março e abril vai passar para os contratos com indexante a seis meses e depois para contratos com indexante a 12 meses”.

“Se não houver nenhum choque adicional esta vai ser a trajetória ao longo de 2024”, acredita.

O BCE decidiu, esta quinta-feira, manter inalterada a taxa de juro aplicável às operações principais de refinanciamento e as taxas de juro aplicáveis à facilidade permanente de cedência de liquidez e à facilidade permanente de depósito em 4,50%, 4,75% e 4,00%, respetivamente.

Leia mais em Jornal de Notícias

Contate-nos

Meio de comunicação social generalista, com foco na relação entre os Países de Língua Portuguesa e a China

Plataforma Studio

Newsletter

Subscreva a Newsletter Plataforma para se manter a par de tudo!