Início Atualidade Tribunal de Contas de Portugal “atento” ao processo da Jornada Mundial da Juventude

Tribunal de Contas de Portugal “atento” ao processo da Jornada Mundial da Juventude

A realização da Jornada Mundial da Juventude em Lisboa terá um custo de pelo menos 161 milhões de euros, segundo as estimativas apresentadas pela Igreja Católica, pelo Governo e pelos municípios de Lisboa e Loures.

Estaleiro de obras onde vai decorrer a Jornada Mundial da Juventude (JMJLisboa2023) no Parque das Nações
Estaleiro de obras onde vai decorrer a Jornada Mundial da Juventude (JMJLisboa2023) no Parque das Nações, em Lisboa

O presidente do Tribunal de Contas, José Tavares, disse hoje que a instituição está atenta ao processo da Jornada Mundial da Juventude, como está em relação a outros, precisando que os contratos celebrados neste âmbito são remetidos ao Tribunal.

Leia mais sobre o assunto: “São escandalosos os valores.” Engenheiro da Expo’98 arrasa altar-palco

“Nos termos da lei os contratos que sejam celebrados no âmbito da Jornada Mundial da Juventude (JMJ) são remetidos ao Tribunal de Contas para efeitos de fiscalização concomitante, sob pena de não produzirem efeitos”, referiu José Tavares à margem da conferência “Melhorar a eficiência e a transparência da contratação pública, com destaque para o reforço do quadro de controlo em Portugal”, que hoje decorreu em Lisboa.

O presidente do TdC precisou ser necessário deixar que o processo corra, acentuando que o Tribunal de Contas (TdC) “está atento [à JMJ] como está atento a outros processos que estão a correr” na sociedade.

Leia mais em: TSF

Contate-nos

Meio de comunicação social generalista, com foco na relação entre os Países de Língua Portuguesa e a China

Plataforma Studio

Newsletter

Subscreva a Newsletter Plataforma para se manter a par de tudo!