Ucrânia começa a exportar energia elétrica para a UE - Plataforma Media

Ucrânia começa a exportar energia elétrica para a UE

A Ucrânia começou a exportar energia elétrica para a União Europeia (UE) através da Romênia, afirmou o presidente Volodymyr Zelensky, no momento em que a Rússia está reduzindo o fornecimento de gás ao bloco.

Vários países europeus, incluindo Itália e Alemanha, dependem muito do gás russo para suprir suas necessidades energéticas.

Mas desde a invasão russa da Ucrânia estes países precisam buscar alternativas aos cortes de abastecimento de Moscou.

Zelensky disse na quinta-feira que a Ucrânia “iniciou uma importante exportação de energia elétrica” ao território da UE, através da Romênia.

“É apenas a primeira etapa. Estamos nos preparando para aumentar o fornecimento”, acrescentou.

Ele destacou que “parte significativa do gás russo consumido na Europa pode ser substituído”.

“Para nós, esta não é apenas uma questão de receita das exportações, é uma questão de segurança para toda Europa”, disse.

A rede de energia elétrica ucraniana foi conectada ao sistema europeu em meados de março para ajudar a manter o fornecimento, apesar da guerra.

A presidente da Comissão Europeia, Ursula von der Leyen, tuitou que as exportações ucranianas “fornecerão uma fonte adicional de energia elétrica para a UE. E uma receita muito necessária para a Ucrânia”.

“Ambos se beneficiam”, acrescentou.

Este artigo está disponível em: English

Assine nossa Newsletter