Ainda sem vacinas, Ucrânia proíbe imunizantes da Rússia - Plataforma Media

Ainda sem vacinas, Ucrânia proíbe imunizantes da Rússia

Ainda sem conseguir iniciar sua campanha de imunização contra a Covid-19, a Ucrânia proibiu o registro no país de vacinas provenientes de “Estados agressores”, designação aplicada à Rússia.   

A medida está em uma resolução aprovada pelo governo em 8 de fevereiro e publicada na última quarta (10), apesar dos apelos de políticos pró-Moscou em defesa da vacina Sputnik V, que já está sendo usada em diversos países.   

O presidente Volodymyr Zelensky disse que a imunização na Ucrânia vai começar no fim de fevereiro, mas o país não recebeu nenhuma vacina até o momento. Com 42 milhões de habitantes, a nação europeia aguarda a entrega de 8 milhões de doses pelo consórcio Covax Facility.   

Leia mais em Istoé

Artigos relacionados
MundoPolítica

Covid-19: Presidente da Ucrânia hospitalizado, mas com sintomas leves

MacauSociedade

Ataque informático à Escola Portuguesa de Macau com possível origem na Ucrânia

MundoPolítica

Ucrânia e Rússia saúdam cessar-fogo na Crimeia que se inicia à meia-noite

MundoSociedade

Para libertar 13 reféns, presidente da Ucrânia recomenda filme de Joaquin Phoenix

Assine nossa Newsletter