Vendas online desde Macau rendem 900 milhões RMB em quatro horas

Vendas online desde Macau rendem 900 milhões RMB em quatro horas

A primeira emissão ao vivo de vendas online realizada a partir de Macau por Dong Mingzhu, líder da empresa de Zhuhai Gree Eletric, gerou cerca de 900 milhões de renminbis, ao longo das quatro horas em que esteve aberta à participação de internautas, nas redes sociais.

O evento teve emissão “live” no WeChat, nas páginas da “Loja Dong Mingzhu Gree” e “Loja 1999 Gree”, e ainda através de outras 10 plataformas como a Douyin (TikTok), NetEase, T-Mall, Facebook e Youtube, com um total de 750 mil visualizadores. 

A sessão foi liderada pela presidente da Gree, Dong Mingzhu, famosa na China continental, e no período em que que esteve “no ar” foram vendidos mais de 40 diferentes tipos de produtos, incluindo vinho, doces tradicionais de Macau, joias e malas. De acordo com o Grupo Namkwong Macau, uma das empresas responsáveis pela organização, os produtos alimentares foram dos mais populares e requisitados pelos consumidores online

Além de empresas mais ligadas ao comércio de produtos locais, outras companhias como a MGM, Galaxy Macau, Sands, Wynn, Studio City e Hotel Lisboa participaram para promover os respetivos produtos na plataforma. 

A Gree, em colaboração com diferentes unidades hoteleiras da cidade, lançou uma série de promoções especiais, como a “oferta de vales para clientes Gree”, para estimular os consumidores online que assistiam à sessão live a consumirem produtos locais e a escolherem hotéis da região. 

Ao longo da emissão na “Loja 1999 Gree” e da repetição nas Notícias NetEase Macau, o evento teve um total de 3,10 milhões de visualizações. 

Sem turistas, empresas locais viram-se para os canais online

Desde o início deste ano, com o impacto da pandemia, o turismo internacional tem sido gravemente afetado, assim como a economia de Macau que depende largamente desta indústria e do jogo. Durante os primeiros oito meses do ano, o número de visitantes a Macau desceu 87,0 por cento em termos homólogos, de acordo com a Direção dos Serviços de Estatística e Censos. 

Com as devidas medidas de controlo e prevenção epidémicas, a China continental retomou as entradas livres dos residentes em Macau a 23 de setembro, o que veio trazer de novo alguma esperança para a indústria de Macau durante a passada semana nacional. 

Porém, o Departamento de Turismo revelou que ao longo desses sete dias a cidade recebeu apenas 139.280 visitantes, uma descida de 85,7 por cento em comparação com os 980 mil visitantes durante o mesmo período de 2019. 

Já a receita da indústria do jogo desceu ainda mais durante os primeiros nove meses do ano, a para apenas 38,61 mil milhões de patacas, em comparação com os 220,3 mil milhões gerados no período homólogo de 2019, menos 82,5 por cento em comparação com o período homólogo de 2019.

Os seis grandes resorts em Macau estão agora a explorar canais online para venda de serviços. A Sands e a MGM, por exemplo, venderam diárias e refeições para os hotéis que integram os respetivos complexos durante a emissão online, mas os resultados não foram comparáveis aos verificados na China continental. 

Por outro lado, a Gree, sediada em Zhuhai e que ocupa o 436º lugar entre as 500 maiores empresas mundiais, de acordo com a lista da revista Fortune, é uma pioneira nas vendas em direto online, uma forma de venda que ganhou especial popularidade no continente durante a pandemia. 

Em meados de maio, Dong Mingzhu participou numa emissão da plataforma de vendas online JD.com. Durante o evento, de três horas, o volume de vendas excedeu os 703 milhões de RMB, marcando o recorde de maior valor de transações durante uma emissão de vendas online para eletrodomésticos. 

O sucesso da Gree levou a que algumas empresas de Macau explorassem este mercado. 

Dong Mingzhu compartilhou com empresários de Macau como as empresas procuram mudar e desenvolver-se sob a epidemia

Um dia antes do evento foi organizada uma sessão de discussão intitulada “Novas ideias, novos pensamentos, nova evolução” com a participação do Secretário para a Economia e Finanças de Macau, Lei Wai Nong, o Diretor dos Serviços de Economia, Tai Kin Ip e representantes de grandes operadoras de jogo locais: Wilfred Wong Ying-wai, da Sands China, Chen Zhiling, da Wynn Macau e Pansy Ho, da MGM, que se juntaram a Dong Mingzhu para discutir possíveis cooperações. 

Na ocasião, a presidente da Gree Eletric assinalou que muitas empresas foram afetadas pela pandemia, e a Gree não foi exceção. 

Para a empresária, estes eventos são a combinação perfeita entre vendas online e offline, uma forma inovadora de comércio. Lembrou ainda que este ano tenham já sido organizados seis eventos do género, mas este em particular teria uma presença maior a nível internacional. Macau, como plataforma entre a China e países de língua portuguesa, consegue promover marcas chinesas pelo mundo e ajudar a desenvolver a produção inteligente do país, disse. 

O Governo de Macau assegurou que vai aproveitar as oportunidades de desenvolvimento de que usufrui, ao integrar a Área da Grande Baía e a atual força impulsionadora do comércio online no continente, segundo Lei Wai Nong. Acrescentou que vão ser estabelecidas ações de cooperação com autoridades relevantes da China continental para reforço do comércio online transfronteiriço e oferecer a residentes do continente um acesso mais conveniente a produtos de Macau e de países lusófonos. 

Já Wilfred Wong Ying-wai, presidente da Sands China, considerou que, com o recente desenvolvimento acelerado do mundo online pós-pandemia, o consumo offline irá diminuir gradualmente. Previu, no entanto, que o impacto desta situação na indústria do turismo terá de ser resolvido com inovação e novas tecnologias. A popularidade das emissões de vendas online é um resultado inevitável do desenvolvimento da internet, media e redes sociais. O responsável lembrou que participou em setembro passado numa destas emissões em direto com uma atuação de um rapper que se tornou viral, chamando a atenção para a relevância do novo formato de media na recuperação económica de Macau. 

Para Jorge Valente, presidente da Associação Sino-Lusófona da Indústria e Promoção de Intercâmbio Cultural, o evento em Macau com Dong Mingzhu provou que foi encontrada uma outra forma inovadora de promoção da construção da Grande Baía, assim como de desenvolvimento coordenado de todas as regiões, solução que tira partido das vantagens de Macau e do princípio “um país, dois sistemas”. 

Através do poder da marca Gree a nível global, o resto do mundo irá também ficar a conhecer melhor Macau, considerou. 

O evento marcou ainda a criação oficial da Macau Gree (Sino-Lusophone) E-Commerce Co. Ltd, empresa destinada a “abrir a porta para cooperação entre a China e países lusófonos”. 

O Grupo Namkwong planeia aproveitar a emissão em direto com Dong Mingzhu para lançar uma série de programas semelhantes e até um festival internacional em Macau. É esperado que se continuem a criar na cidade produtos e marcas de sucesso para promoverem a diversificação da economia de Macau e o desenvolvimento na inovação industrial e transformação digital, estimou. 

Este artigo está disponível em: 繁體中文

Artigos relacionados
FuturoMacau

Universidade de Macau desenvolve autocarro sem condutor em projecto pioneiro

ChinaHong Kong

UE sugere levantamento de restrições de viagens para Macau perante reciprocidade

CulturaMacau

World Press Photo: Governo de Macau sem interferência, diz embaixador português

MacauPolítica

Luso-chinês detido na China é "jogo diplomático delicado"

Assine nossa Newsletter