Sensores desenvolvidos em Aveiro vão rastrear nível de oxigénio e temperatura - Plataforma Media

Sensores desenvolvidos em Aveiro vão rastrear nível de oxigénio e temperatura

Um novo dispositivo de rastreamento de Covid-19 pelo nível de oxigénio e de temperatura, através de sensores em postos portáteis, está a ser desenvolvido na Universidade de Aveiro (UA), revelou esta segunda-feira a instituição.

O projeto, designado “TO2”, mereceu parecer positivo do Infarmed – Autoridade Nacional do Medicamento, e tem financiamento assegurado pela Agência Nacional de Inovação (ANI).

Segundo adianta a Universidade em nota à imprensa, o projeto “TO2 — Postos de medição sem contacto de saturação de oxigénio e temperatura” visa desenvolver e integrar sensores em postos portáteis para medição, sem contacto, de dois parâmetros fisiológicos indicadores da Covid-19, em locais onde é maior a probabilidade de aglomeração de pessoas”.

Leia mais em TSF

Assine nossa Newsletter