Engenheiros de Macau em Moçambique para congresso lusófono - Plataforma Media

Engenheiros de Macau em Moçambique para congresso lusófono

A Associação de Engenheiros de Macau (AEM) vai participar na próxima semana no III Congresso de Engenheiros de Língua Portuguesa, a decorrer na capital moçambicana, Maputo, nos dias 12 e 13 de setembro. A delegação local , composta por oito pessoas, é liderada por Eddie Joe Wu, presidente da Assembleia-geral da AEM, que também desempenha as funções de deputado à Assembleia Legislativa de Macau, nomeado pelo Chefe do Executivo.
Wu disse ao PLATAFORMA que leva na bagagem para o encontro de Moçambique, onde vão estar Ordens dos Engenheiros dos Países de Língua Portuguesa, um projeto de criação de uma rede online, que sirva de base de informação técnica e comercial sobre engenharia no espaço lusófono, Macau e China continental. “Vamos também difundir junto dos profissionais e agentes económicos lusófonos o projeto da Grande Baía Guangdong-Hong Kong-Macau”, salientou Eddie Joe Wu, que também vai enquadrar o papel de Macau no âmbito da iniciativa global Faixa e Rota da República Popular da China que tem um enfoque em grandes projetos de engenharia. Com o apoio da Fundação Macau, Instituto de Promoção de Comércio e Investimento, a delegação da AEM segue depois para Lisboa, a convite da Ordem dos Engenheiros de Portugal com o objetivo de aprofundar o acordo de cooperação firmado em 2014 entre a Ordem portuguesa e a AEM, por altura do II Congresso dos Engenheiros de Língua Portuguesa que teve lugar em Macau.

José Carlos Matias 07.09.2018 

Este artigo está disponível em: 繁體中文

Related posts
Opinião

Liberalismo selvagem

Opinião

A Carne De Porco É Cara? Criemos Porcos!

Opinião

Pedido de Compensação Americano Terá Lugar Amanhã

Opinião

O caminho da montanha

Assine nossa Newsletter