Início China EUA vão investigar se carros inteligentes chineses são ameaça à sua segurança

EUA vão investigar se carros inteligentes chineses são ameaça à sua segurança

Citando potenciais riscos de segurança nacional, o governo do presidente norte-americano, Joe Biden, anunciou que vai investigar os designados carros inteligentes (‘smart cars’) chineses, por poderem recolher informação sensível sobre os cidadãos que os conduzam.

A investigação pode conduzir a novas regulamentações para impedir a China de usar tecnologia sofisticada em veículos elétricos e outros designados veículos conectados, para seguir os condutores e obter a sua informação pessoal.

Dirigentes governamentais estão preocupados com as possibilidades de as capacidades tecnológicas, como a da assistência ao condutor, poderem ser usadas para espiar os norte-americanos.

Enquanto a ação ficou à beira de corresponder a uma proibição das importações chinesas, o presidente Joe Biden disse que está a tomar medidas inéditas para proteger a informação dos cidadãos.“A China está determinada a dominar o futuro do mercado automóvel, incluindo com recurso a práticas injustas”, disse hoje Biden, em comunicado.

“A China pode inundar o nosso mercado com os seus veículos, colocando riscos para a nossa segurança nacional. Não vou deixar isso acontecer”, assegurou.

Plataforma com Lusa

Contate-nos

Meio de comunicação social generalista, com foco na relação entre os Países de Língua Portuguesa e a China

Plataforma Studio

Newsletter

Subscreva a Newsletter Plataforma para se manter a par de tudo!