Início » Pedro Nuno admite viabilizar Governo minoritário da AD, Montenegro mantém tabu

Pedro Nuno admite viabilizar Governo minoritário da AD, Montenegro mantém tabu

No frente-a-frente televisivo de Pedro Nuno Santos e Luís Montenegro, falou-se de passado, presente e futuro - mas não foi possível ignorar os ecos das vozes dos polícias que protestavam à porta.

No confronto entre os líderes dos dois maiores partidos da oposição, Pedro Nuno Santos e Luís Montenegro falaram dos erros do passado e atiraram um ao outro culpas pelos problemas do presente. Da Saúde à Habitação, passando pelas pensões e pela carga fiscal, muito foi o que separou os dois líderes, que não deixaram de chamar ao debate vários “fantasmas” que os assombra.

Mas houve também espaço para olhar para o futuro – e se é de futuro que se fala, vale viajar já para o que pode acontecer depois de 10 de março. O secretário-geral do Partido Socialista (PS) admitiu viabilizar um Governo da Aliança Democrática (AD). Já Montenegro não quer equacionar um cenário em que o Partido Social Democrata (PSD) perca.

Pedro Nuno Santos não deixou margem para dúvidas: se a Aliança Democrátia vencer sem maioria absoluta, não será o PS quem irá inviabilizar um Governo de Luís Montenegro – mas não promete aprovar Orçamentos do Estado aos sociais-democratas.

Leia mais em TSF

Contact Us

Generalist media, focusing on the relationship between Portuguese-speaking countries and China.

Plataforma Studio

Newsletter

Subscribe Plataforma Newsletter to keep up with everything!