Bernard Arnault ultrapassa Musk e volta a ser o mais rico do mundo

O francês Bernard Arnault tornou-se o homem mais rico do mundo nesta sexta-feira (26), após as ações do grupo de artigos de luxo LVMH terem subido 13% na manhã de sexta.

por Gonçalo Lopes

Com isso, o patrimônio líquido do bilionário atingiu US$ 207,8 bilhões (R$ 1,02 trilhão), devido ao acréscimo de US$ 23,6 bilhões (R$ 115,9 bilhões) com a subida das ações, de acordo com o ranking da revista Forbes.

Arnault ultrapassou Elon Musk, dono de empresas como Tesla e X (antigo Twitter), que tem US$ 204,5 bilhões (R$ 1 trilhão) em patrimônio.

A alteração é decorrência do momento atravessado pelas principais empresas dos dois bilionários. Na quinta-feira (25), o grupo LVMH anunciou um recorde de vendas e faturamento ao atingir 86 bilhões de euros (cerca de US$ 93,4 bilhões ou R$ 458,69 bilhões) e 15,2 bilhões de euros (US$ 16,5 bilhões ou R$ 81,03 bilhões), respectivamente. Em vendas, houve aumento de 9% em relação ao ano anterior, enquanto o lucro líquido cresceu 8%.

Leia mais em Folha de S. Paulo

Pode também interessar

Contate-nos

Meio de comunicação social generalista, com foco na relação entre os Países de Língua Portuguesa e a China

Plataforma Studio

Newsletter

Subscreva a Newsletter Plataforma para se manter a par de tudo!