Início » Gazprom sofre colapso nos seus lucros no primeiro semestre de 2023

Gazprom sofre colapso nos seus lucros no primeiro semestre de 2023

O grupo russo Gazprom sofreu um colapso nos seus lucros durante o primeiro semestre do ano, com cerca de 3.000 milhões de dólares, 93% menos que no mesmo período de 2022, quando registou ganhos de 43.345 milhões de dólares.

De acordo com o relatório divulgado pela gigante estatal russa, o valor está abaixo da previsão do consórcio, de 3.600 milhões de dólares.

O vice-presidente da Gazprom, Famil Sadigov, associou este colapso à desvalorização do rublo, que perdeu 24% do seu valor face ao dólar desde o início do ano.

Segundo especialistas, as exportações de gás russo para a Europa por gasoduto poderão cair 50% este ano, depois de o fornecimento total já ter caído para metade em 2022.

Além disso, a União Europeia (UE) está a considerar desistir do gás liquefeito russo, exportações que teriam atingido 9 milhões de toneladas entre janeiro e junho.

A Rússia tenta compensar a redução das importações ocidentais com o aumento dos envios para a China, embora por enquanto os volumes sejam incomparáveis com os exigidos pelos clientes europeus.

No início do ano, Moscovo e Pequim assinaram um acordo para o fornecimento de gás pela rota do “Extremo Oriente”, que aumentará o bombeamento ao gigante asiático em 10 mil milhões de metros cúbicos por ano.

Contact Us

Generalist media, focusing on the relationship between Portuguese-speaking countries and China.

Plataforma Studio

Newsletter

Subscribe Plataforma Newsletter to keep up with everything!