Início » Vinho. Portugal é o 2.º maior destino mundial de enoturismo

Vinho. Portugal é o 2.º maior destino mundial de enoturismo

Portugal é o quinto país europeu com maior área de vinha plantada e o nono a nível mundial. No entanto, é o segundo maior destino mundial de enoturismo, ultrapassado apenas por Itália, e à frente de países como Espanha, França, Nova Zelândia, Argentina ou Austrália, entre outros. Um mercado que se espera que passe dos quase 9 mil milhões de dólares gerados em 2020, a nível mundial, para os quase 30 mil milhões em 2030. A manter-se o atual peso do setor, Portugal poderá então arrecadar qualquer coisa como 2,1 mil milhões de euros.

Este valor é uma estimativa da Associação Portuguesa de Enoturismo (APENO) e que parte do index score de 7,88 aplicado a Portugal no estudo “Enoturismo – Dimensão nacional e europeia, 2022”, do Turismo de Portugal, com o qual o país assume a segunda posição no top 10 deste setor a nível mundial. Itália tem um index score de 8,28, o que significa, pela lógica da APENO, que, dos quase nove mil milhões de dólares gerados pelo enoturismo em 2020, os operadores italianos contribuíram com 745 milhões, e Portugal com quase 700 milhões.

A falta de dados fiáveis é um dos problemas do setor que, desde 2020, ano de criação desta associação, se bate pela criação de uma sub CAE (Classificação Portuguesa de Atividades Económicas), em termos estatísticos, para o enoturismo. Sem sucesso. E as recentes tentativas junto do Instituto Nacional de Estatística, no âmbito do processo de revisão da dita classificação, revelaram-se infrutíferas.

Leia mais em Dinheiro Vivo

Contact Us

Generalist media, focusing on the relationship between Portuguese-speaking countries and China.

Plataforma Studio

Newsletter

Subscribe Plataforma Newsletter to keep up with everything!