Pedro Nuno Santos e secretário de Estado demitem-se após polémica na TAP

por Viviana Chan
TSF

Ministro assume sair pela “perceção pública e sentimento coletivo” gerados pela indemnização a Alexandra Reis. Hugo Santos Mendes, que “não viu incompatibilidades”, também sai.

O ministro das Infraestruturas e Habitação, Pedro Nuno Santos, apresentou a sua demissão ao líder do Governo, António Costa, no seguimento do polémico pagamento de uma indemnização de meio milhão de euros, por parte da TAP, a Alexandra Reis. O primeiro-ministro já aceitou a decisão.

“O Ministro das Infraestruturas e da Habitação, Pedro Nuno Santos, entende, neste contexto, assumir a responsabilidade política e apresentou a sua demissão ao primeiro-ministro”, lê-se num comunicado divulgado esta noite.

Na comunicação que divulgou, o ministro admite que sai “face à perceção pública e ao sentimento coletivo gerados em torno deste caso”.

Também o secretário de Estado das Infraestruturas, Hugo Santos Mendes – que “não viu incompatibilidades” no acordo de saída de Alexandra Reis, entendeu, “face às circunstâncias, apresentar a sua demissão”.

Leia mais em: TSF

Pode também interessar

Contate-nos

Meio de comunicação social generalista, com foco na relação entre os Países de Língua Portuguesa e a China

Plataforma Studio

Newsletter

Subscreva a Newsletter Plataforma para se manter a par de tudo!