Treinador Abel Ferreira lança livro na Bienal de São Paulo - Plataforma Media

Treinador Abel Ferreira lança livro na Bienal de São Paulo

Abel Fernando Moreira Ferreira, mais conhecido como Abel Ferreira, o ex-futebolista português é, hoje, treinador do Palmeiras, um clube poliesportivo brasileiro da cidade de São Paulo, no Brasil. O Palmeiras é uma das maiores potências do futebol brasileiro, sendo que conquistou o Brasileirão, em 2016 e 2018, a Copa do Brasil, em 2020, a Libertadores, em 2020 e 2021, e o Paulistão, em 2022. O percurso da equipa brasileira pode ser seguido em várias plataformas e é possível apostar na sua prestação em algumas competições nomeadamente através de alguns sites de casino online. O caminho de vitórias do treinador português ficou agora ainda mais eternizado no livro “Cabeça fria, coração quente”, lançado recentemente na 26.ª edição da Bienal Internacional do Livro de São Paulo.

Um livro sobre futebol que, conforme o treinador português disse à Lusa, nasceu em Braga, “mas a semente germinou e brotou das experiências com os jogadores e equipa técnica do Palmeiras”. Ao longo de 408 páginas, é possível mergulhar numa espécie de diário onde o leitor pode descobrir os bastidores que levaram a equipa brasileira ao bicampeonato da Taça Libertadores da América, em 2020 e 2021, aquele que é o mais importante torneio de futebol da América do Sul. Questionado sobre a possibilidade de escrever outra publicação, o próprio “considerou importante inspirar as pessoas de forma positiva na sua vida particular”, mas sugeriu não ter intenção de formular uma continuação ou um novo relato sobre as suas vivências no futebol.

No ano em que comemora 44 anos, o treinador do Palmeiras foi subindo, passo a passo. Tornou-se profissional em 1997, no Penafiel, onde ficou até ao ano 2000. Nesse momento em que foi transferido para o Vitória de Guimarães, acabando por lá completar quatro épocas, num total de 86 jogos. Em 2004, novas portas se abriram, com a contratação pelo Braga. O jogador afirmou-se depois como lateral direito titular da equipa o que facilmente chamou a atenção do Sporting Clube de Portugal (SCP). Abel Ferreira foi depois contratado pelo SCP por 750 mil euros. A sua carreira futebolística conheceu o significado de “dias negros” quando, em 2011, o jogador sofreu uma rotura de ligamentos cruzados no joelho direito. Mas uma nova fase se iniciou: assumiu o cargo de treinador da equipa de juniores (Sub-19) do SCP e foi nesse momento que surgiu Abel Ferreira, o treinador.

Mais tarde foi também convidado para ser treinador da equipa B do Braga, cargo que manteve até 2017. Em 2019, foi anunciado como treinador principal do PAOK, o campeão nacional grego em título. Recorde-se que o clube grego teve de pagar a cláusula de 2,5 milhões de euros para poder levar o treinador português, uma das vendas mais altas de um treinador. Em 2020, chegou ao Palmeiras, onde assinou contrato até ao final deste ano, em 2022.

A sua carreira já conta com vários troféus: Troféu Mesa Redonda de melhor técnico da temporada no futebol brasileiro (2020), Técnico do ano da Copa Libertadores da América: 2020 e 2021, Melhor técnico do Brasil, em 2020, Treinador Sul-Americano do Ano, em 2021, e Melhor treinador português a atuar no exterior pelo CNID: 2022. Recebeu também menções honrosas de Cidadão Honorário de Penafiel, Talento que marca o Mundo – Liga Portuguesa e Cidadão Paulistano – Câmara Municipal de São Paulo. Em março de 2021, foi também condecorado como Comendador da Ordem do Infante D. Henrique, em Lisboa. Tendo em conta as evidências, Abel Ferreira tem tudo para continuar a saber apenas ganhar.

Related posts
BrasilDesporto

"Abel chamou cego ao árbitro, insultou-o de tudo quanto é nome"

BrasilDesporto

Abel x Turco: estrangeiros no topo do futebol brasileiro

BrasilDesporto

Abel conquista Paulistão, mas fica sem prémio de melhor treinador

BrasilDesporto

“O Campeonato Paulista está manchado’, diz Abel Ferreira

Assine nossa Newsletter