Gigantes farmacêuticos lucram 932 euros por segundo com a Covid-19 - Plataforma Media

Gigantes farmacêuticos lucram 932 euros por segundo com a Covid-19

Oxfam acusa indústria de “usar táticas sujas”, beneficiar do investimento público e fugir aos impostos, colocando o dinheiro em paraísos fiscais.

A pandemia de covid-19 criou, nos dois últimos anos, mais 40 multimilionários na área farmacêutica, sendo que os gigantes do setor estão a lucrar 932 euros por segundo só na venda de vacinas, cobrando aos governos “24 vezes mais do que custaria se fossem produzidas como genérico”, revela um relatório apresentado ontem pela organização não-governamental Oxfam, em Davos, na Suíça, onde estão reunidos políticos e empresários para o Fórum Económico Mundial.

Leia mais em Jornal de Notícias

Artigos relacionados
Sociedade

Vacinas para bebés da Pfizer e Moderna são examinadas por especialistas nos EUA

ChinaPolítica

Escola em Hong Kong busca voluntários para se confinar antes de visita de Xi Jinping

Sociedade

A dura batalha na OMC para liberar as patentes das vacinas contra a covid

Sociedade

OMS defende investigação à teoria de acidente na origem da covid-19

Assine nossa Newsletter