Editora recolhe livro que revela suposto traidor de Anne Frank -

Editora recolhe livro que revela suposto traidor de Anne Frank

A editora holandesa que publicou um livro que revelaria o suposto traidor de Anne Frank comunicou, nesta terça-feira (22), que recolherá a obra, sob pressão de historiadores e especialistas que alegam que a conclusão das investigações de seis anos lideradas por um ex-agente do FBI é duvidosa.

livro “Quem Traiu Anne Frank”, publicado em janeiro, teve repercussão mundial ao apontar uma nova hipótese sobre as circunstâncias da prisão e da deportação de Anne Frank para um campo de concentração nazista, no qual morreu. Segundo a autora canadense Rosemary Sullivan, o traidor da família Frank seria o judeu Arnold van der Bergh.

As acusações contra o homem, que morreu em 1950, foram baseadas em evidências como uma carta anônima enviada ao pai de Anne, Otto Frank, após a Segunda Guerra Mundial.

Depois da publicação do livro, porém, grupos judeus, de historiadores e pesquisadores independentes rechaçaram o desfecho encontrado por Sullivan.

Em fevereiro, um coletivo que reúne as principais comunidades judaicas da Europa pediu para que a editora americana Harper Collins suspendesse a edição em inglês da obra (“The Betrayal of Anne Frank”), alegando que o livro havia manchado a memória de Anne Frank e a dignidade dos sobreviventes do Holocausto.

Ainda nesta terça, um relatório feito por historiadores especialistas em Segunda Guerra e divulgado na Holanda apontou que as investigações publicadas por Sullivan não seguiram um padrão profissional.

“[A conclusão] é, sem exceção, muito fraca e às vezes baseada em uma leitura evidentemente errônea das fontes”, comunicou a equipe, acrescentando que o conteúdo da obra “não foi de forma alguma submetido a uma avaliação crítica”.

Leia mais em Folha de S. Paulo

Related posts
AngolaSociedade

“Caçadores de óbito”, os truques para matar a fome em Luanda à custa dos funerais

Política

Kennedy Jr. desculpa-se por usar Anne Frank em discurso anti-vacinas

BrasilCultura

Rio de Janeiro inaugura memorial às vítimas do holocausto

CulturaMundo

Helen Mirren lê Anne Frank para as novas gerações

Cultura

Macau, ver grandes filmes ao lado das estrelas

Assine nossa Newsletter