Rapper Kanye West planeia show na Rússia e encontro com Putin

Rapper Kanye West planeia show na Rússia e encontro com Putin

O rapper Kanye West planeia viajar a Moscovo no fim do ano, segundo a revista “Billboard”, para apresentar o seu espetáculo “Sunday Service” e reunir-se com o presidente russo, Vladimir Putin

Kanye West prepara-se para ir à Rússia e ter encontro com Putin. A publicação da indústria musical, que cita o assessor de West, Ameer Sudan, informa que o artista trabalha em novos negócios com Aras Agalarov – milionário relacionado a Donald Trump – e o filho músico do empresário, cujo nome artístico é Emin.

“Ele passará muito tempo na Rússia”, disse Sudan à Billboard. Segundo ele, o país será “uma segunda casa” para Ye, que mudou legalmente de nome no ano passado. 

Desde 2019, o rapper costuma oferecer o Sunday Service, um show intimista que lembra as missas de domingo em igrejas e é acompanhado de corais gospel, ao qual ele planeja convidar o presidente russo.

A política não é estranha para Ye, de 44 anos. Em 2020, ele se apresentou nas eleições presidenciais americanas como candidato independente pelo Birthday Party. Em 2018, reuniu-se com o então presidente Trump, a quem declarou apoio em 2016, em um encontro que incluiu um abraço entre os dois e uma diatribe ante as câmeras.

Potenciais críticas por sua relação com a Rússia não farão Ye desistir, afirmou Ameer Sudan. “Kanye está muito ciente do que acontece. Ele não vai contra os Estados Unidos, nem para causar conflitos, mas Ye é Ye, não pode ser controlado”, comentou.

O rapper, conhecido por ter sido casado com a celebridade de ‘reality show’ Kim Kardashian, de quem se separou, ficou bilionário com a venda de seus tênis Yeezy com a Adidas. Recentemente, tornou-se místico e religioso, o que lhe rendeu um Grammy em 2021 na categoria “melhor álbum de música cristã contemporânea” com o disco “Jesus is King”. Seu álbum mais recenbte, “Donda”, foi lançado no ano passado.

Related posts
FuturoSociedade

Moderna iniciou testes de reforço da vacina específico para Ómicron

MundoPolítica

EUA alerta Bielorrússia de resposta firme se ajudar a invadir Ucrânia

MundoPolítica

Ocidente alerta para 'graves consequências' em caso de agressão à Ucrânia

MundoPolítica

Dois milhões de migrantes presos na fronteira sul dos EUA em 2021

Assine nossa Newsletter