Evolução de economias africanas é negativa até 2023, refere Moody's

Evolução de economias africanas é negativa até 2023, refere Moody’s

Um estudo da Moody’s classificou a evolução de economias africanas como negativa até 2023 e identifica três ordens de fatores que poderão condicionar o desenvolvimento pós-pandémico

A agência de notação financeira Moody’s considerou neste sábado que a perspetiva de evolução das economias africanas até meados de 2023 é negativa devido à frágil recuperação económica, persistentes riscos externos e falta de capacidade para ajustamentos.

A empresa espera que “o crescimento do PIB para a região da África subsaariana vá acelerar marginalmente em 2022″, mas “isso será insuficiente para recuperar a produção e as perdas de rendimento desencadeadas pela pandemia”, comentou o vice-presidente desta agência de ‘rating’ Aurelien Mali, autor do relatório.

No comentário ao relatório, Mali diz que “os efeitos na geração de receita, já de si baixa, vai manter os défices orçamentais e os requisitos de financiamento elevados no próximo ano, e os fardos da dívida elevados”.

Leia mais em Dinheiro Vivo
Related posts
AngolaEconomia

Moody’s prevê retoma económica em Angola

PolíticaPortugal

Moody's. Portugal vai ser "muito pressionado" a baixar a dívida a partir do ano que vem

Guiné-BissauMundo

PR de transição do Mali faz visita de trabalho à Guiné-Bissau

Mundo

Exército francês mata cerca de 30 jihadistas no Mali

Assine nossa Newsletter